CORÉIA DO NORTE DECLARA GUERRA!
 

 

Coréia do Norte alerta: “Uma guerra nuclear pode estourar a qualquer momento”

Sputnik News

17 de outubro de 2017

O representante da Coréia do Norte na ONU, Kim In Ryong, alertou para o início de uma guerra nuclear, de acordo com informações de agências de notícias internacionais

A Coréia do Norte apoiou fortemente o seu embaixador na ONU e os esforços da organização em promover o desarmamento nuclear no mundo. Em razão das atuais ameaças dos EUA a seu país, uma assinatura de acordo de não-proliferação de armas nucleares, no momento, segundo Ryong, não é possível.

O representante norte-coreano salientou ainda que a situação em seu país alcançou um nível de alto risco. “Uma guerra atômica pode estourar a qualquer momento. Nenhum outro país do mundo consegue suportar por muito tempo tal direta e extrema ameaça dos EUA”, disse Ryong e ainda completou: “A Coréia do Norte tem o direito de usar armas nucleares para a sua defesa”.

O diplomata da Coréia do Norte deu indicações de que seu país possui suas bombas atômicas, de hidrogênio e seus mísseis intercontinentais, ao alcance de atingir os EUA. Kim In Ryong afirmou ainda que caso sejam atacados, o país poderia castigar qualquer país do mundo e que seria impossível escapar de tal fato.

Foi anunciado na 2ªfeira que exercícios navais entre os EUA e a Coréia do Sul seriam realizados na península coreana. Especialistas afirmam que o perigo de tais exercícios poderia serem considerados por Pyongyang como um ato de preparação para a guerra.

No mesmo dia, os EUA impuseram novas sanções contra os norte-coreanos. O presidente russo, Vladimir Putin, também assinou um decreto de medidas em cumprimento a resolução do Conselho de Segurança da ONU que reforçaram as limitações impostas à Coréia do Norte.

Tradução: Márcio Alexandre